16/03/2009

Voto de Ana leva Naná ao paredão!

“Naná foi mais uma vez indicada ao paredão do Big Brother Brasil 9 com a maioria de votos da casa. A promotora de eventos tinha chance de escapar se Ana Carolina também tivesse votado em Max, empatando a votação e deixando a escolha final para a líder Milena.” Esta, pela indicação inesperada e sem noção, quem sabe mandaria Max ao paredão para livrar-se da acusação de fazer complô contra Naná e sua filhinha “biscoito fino”!!!

“Poisé” Nanázinha fôfis, infelizmente para você, a mimadinha geniosa, em mais um dos seus pitis, resolveu “punir” Priscila, com seu voto, pela audácia de ter dado o colar, que valia um voto ao paredão, para a “mãezinha” invotável. Resultado da façanha: o feitiço virou contra o feiticeiro e, ela própria, empurrou a parceira inseparável(“amada, idolatrada. Salve! Salve!”) para o paredão, do qual não voltará (mas o votinho foi por amor à mãezinha!). Que ironia da vida! Que lição para quem desafiou tanto a Lei do Retorno! E, o mais patético: Naná está convicta de não será eliminada!

Naná disputa a preferência do público por sua permanência na casa com Josiane, a indicada da líder. Naiá irritou-se com Ana Carolina depois da votação deste domingo, criticando-a por não ter votado em Max (como haviam combinado). "Você já estava no 'bico do corvo'. Você errou barbaridades, não votou na pessoa que você queria, que você deveria ter votado. Deita sua cabeça no travesseiro e veja se você agiu certo.

Naná continua verrinando sua revolta com sua doce “filhinha” caçula: “Até agora, eu não me arrependo de voto nenhum. Esse motivo é muito pessoal. O que você fez foi pessoal", disse Naná aos berros para a "netinha" tão amada, por quem verteu rios de lágrimas para dela não se separar. Não esquente, Ana! Os usuários do PPV agradecem penhoradamente por livrá-los da presença nefasta da “mãezinha” falseta e perigosa. Nossos ouvidos agradecem, penhoradamente esse seu gesto magnânimo!

Ana Carolina tentou se defender. "Eu também tinha motivos para votar no Flávio, ele me esconde algo. Acabei votando na Priscila." Naná continuou falando do paredão. "Antes da Josi, tinha muita gente para ser votada. Foi uma covardia", reclamou. E deu mais uma bronca em Ana Carolina. "Você fica falando do seu voto antes, para com isso", pediu. Esta é a doce e meiguinha mãezinha Naná!

Um encanto de pessoa, uma ternurinha! Como elas sempre falam pensando no público, a idéia que Naná passou foi a de ter sido vítima do egoísmo da “filhinha”, que antes de pensar em salvá-la do paredão, pensou em vingança contra Priscila, desperdiçando o voto que poderia ter favorecido Naná. Ou terá sido para evitar o empate de Naná com Max e o conseqüente desempate pela Líder, decerto a favor do amigo do grupo B?

Se Ana pensou que Joseane seria fracota demais para derrubar Naná, vai levar a lição que merece por superestimar a invencibilidade da “mãezinha querida”... Ou será que ela vai tentar um teatrinho diluviano, alagando o PROJAC com suas lágrimas crocodilianas sinceríssimas? Da dupla albina não duvido nada! Mas, vamos em frente! Amanhã será uma noite de banquete metaforicamente antropofágico: Naná torradinha na chapa quente! Bom apetite!

Nenhum comentário: