07/04/2009

Tricotadinhas quase finais

Último dia de programa e os sobreviventes dormem. A falta de atividade é tanta que, ainda a pouco, a cena que era mostrada no Globo Media Center era essa, logo acima. Max, Francine e Priscila estão no auge do stress, no limite da paciência, só esperando a porta se abrir.

Muito se tem discutido por aí sobre quem merece ganhar esse BBB. Particularmente, só não torço por Priscila. Não que ela não mereça: entrou no programa em busca desse milhão, como todos os outros. Mas por ter usado o corpo como arma, quando tinha coisas tão mais nobres para nos presentear. Depois de Norberto, Priscila foi a primeira a votar num companheiro de grupo, alegando que alguma coisa 'incomodava seu coração'. Incomodava, mas quando Max desovou Ana Carolina, passou a ser seu irmão de fé, o brother que ela quer levar para o resto da vida.

Sempre fui contra ceninhas piegas para as câmeras. Vimos muito disso com Alemão, com olhares para a lua e beijos no escapulário. Confesso que também me emocionava, acreditava - como muitos - naquele sentimento dele. Talvez fosse até verídico, mas o amor não emplacou tres meses aqui fora.

O que vimos nesses últimos dias foi uma Priscila fazendo figuração diante das 200 cameras. Depois de ter acusado Fran e Max de estarem fazendo teatrinho e de criticar Ana Carolina por ter chorado ao ouvir uma música, Priscila desenterra a mãe, reza, chora, ri, fala sozinha e evoca todo o seu passado de pobreza. Se isso não é fazer teatro para quem os assiste, o que é então? Estratégia? Pode ser...mas é estratégia suja. Assim como achei deplorável aquele escândalo que a Siri fez quando foi indicada pela primeira vez, chorando para as cameras e dizendo o quanto precisava ficar, acho muito pobre da parte de Priscila fazer o mesmo. E olha que torci por Irislene Stefanelli.

Como eu disse no halos anterior, certos comentários são totalmente desnecessários a essa altura da disputa. Por estarem conformados com o que lhes reserva o final do programa, algumas coisas que estão sendo ditas podem mudar o foco de quem vota.

Priscila não quer ser reconhecida apenas por ser 'um corpo'. Mas o que ela fez durante o programa todo, a não ser usar o corpo como arma de sedução? Roupas curtíssimas, danças pra lá de sensuais, strip-tease e comportamento vulgar. Não acho que esse seja o caminho para quem quer ser lembrada e admirada por sua inteligencia ou lisura no jogo.

Nessas noites em que estou de molho por causa de um conjuntivite, pude acompanhar melhor as madrugadas dos confinados. É nas madrugadas que as coisas interessantes acontecem, que as conversas mais esclarecedoras aparecem. Ontem Priscila disse, com todas as letras, que Milena teria sido indicada por Malvino Salvador (pra quem não sabe, Milena traçou aquele pedaço de mau caminho quando ele ainda não era conhecido). Francine, a 'morena burra', repreendeu a jornalista, dizendo que esse tipo de comentário não devia ser feito. Infelizmente, Francine não teve a mesma perspicácia para evitar que Priscila tocasse no assunto 'maconha', se referindo ao vício (?) de Fran. Não vi onde essa história começou. Li no BBB Lua que foi uma brincadeira de Ana e que Francine deixou correr solto, sem desmentir.

Por falar nesse assunto, se for mesmo verdade, Fran terá sérios problemas com a mãe de Max. Durante a madrugada, Max disse para Francine que a mãe dele nem poderia sonhar que Fran fosse uma dependente. Eu sempre discordei de anúncios de cigarro e cerveja e também não concordo que um participante de um programa com tamanha visibilidade, faça apologia às drogas. Menos pontos para Fran, apesar de eu entender que ela foi a Big Sister dessa edição, acolhendo e protegendo os seus, nem que fosse por caminhos tortos.

E, finalmente, como mulher e romântica que sou, esperaria também mais de Max. No episódio da briga entre Fran e Maira, Max deu abertura demais para aquela zoiuda, deixando que ela falasse mal de Fran e também criticando a namorada. Para mim, o namoro teria terminado ali. Que não me defendesse durante a briga, mas que não permitisse que outra pessoa falasse mal do meu parceiro.

Enfim, como podem ver, tenho minhas restrições quanto aos tres. E, diferentemente de Eva, a quem respeito muito, não torço exclusivamente para o Max. Quero o casal abocanhando o primeiro e segundo lugares, com Priscila em terceiro.

Nenhum comentário: