18/01/2010

Dicesar, a bicha traiçoeira


Justamente a pessoa que prega a igualdade, que condena o preconceito, é que está sendo mais preconceituosa. Dicesar está cheio de ódio no coração e pré julgando Dourado, pelo que ele foi na outra edição. Eu não morro de amores pelo Dourado. Muito menos concordei com a volta dos ex, principalmente os dois que voltaram. Se fosse Fani ou Natália, até que seria divertido. Mesmo assim, injusto com os novos bbbs. Natural que todos virassem a artilharia de votos nos dois, afinal, a chance deles já teria passado. Acho até que a intenção do Boninho, além de incitar a rejeição natural, era manter os novos mais tempo sob nossa observação.

Acredito que Jose não tenha pensado no jogo quando imunizou Dourado. Ela se colocou no paredão na única oportunidade que teve de se aproximar do novo grupo. Chamar Dourado pro jogo já estava de ótimo tamanho. Que cada um caminhe com as próprias pernas. Não tenho PPV, mas, do pouco que consigo assistir nos links piratas, Dourado pouco tem feito para se aproximar da galera e Jose mal sabe o nome de todos os participantes. Está mais do que na hora dos dois fortalecerem laços, se quiserem permanecer no programa.

Mas voltemos ao Dicesar, a bicha-mor. Durante a madrugada, em conversa com Angélica, ele disse: "eu detestava o Dourado na edição que ele participou". Tá, e daí? O cara não pode ter mudado? Isso é ou não preconceito? Fazer parte do primeiro grupo gay assumido a participar de um BBB não o faz mais merecedor do que os que estão lá, incluindo Jose e Dourado. Essa conversa não vai colar pra cima de moi. Detesto perseguição.

O destaque da edição foi a cara de koo da Tessália, se achando a nerd mais esperta do mundo e, por pouco, não foi para o paredão. Genial a idéia de dedurar um voto através da participação de um telespectador. ADORO!

Sobre o paredão formado hoje - Claudia, Elenita e Jose - neste momento sou mais pela saída da Cacau, que não fede nem cheira. Jose pode dividir possíveis votos no Dourado e Elenita ainda vai causar muito! O BBB10 precisa de pessoas instáveis emocionalmente, senão não tem a menor graça!

Na Fazenda, ficamos livres da insuportável Cacau e ainda ganhamos Ígor de último fazendeiro da segunda edição. Bom demais!

Nenhum comentário: